Os melhores filmes de romance

Os 37 melhores filmes de romance contam com histórias atuais, outras passadas há séculos. Algumas são de viagens no tempo, e outras mostram o que a amor é capaz de enfrentar e superar. Todos estes filmes de amor, lançados entre 1999 e 2018 (com exceção de Uma linda mulher – 1990)  contam com personagens, roteiros e assuntos especiais que faz com que cada um deles seja um excelente filme romântico e uma ótima opção de lazer e aprendizado.

 

1 –  Um amor para recordar

 

Um dos clássicos filmes de romance é “Um amor para recordar”. O filme é baseado no livro de Nicholas Sparks e  conta a história de Landon Carter (Shane West) uma rapaz estilo “bad boy” que é punido pelo seu mau comportamento na escola. Por conta disso, é encarregado de participar de uma peça teatral que está a ser montada na escola.

É quando ele pede ajuda para Jamie Sullivan (Mandy Moore), uma jovem estudante, excluída do grupo de amigos populares de Landon. Com o tempo Landon acaba por apaixonar-se por Jamie, o que acarretará em várias dúvidas, principalmente devido a algumas condições da saúde de Jamie. Este é um filme para chorar que vale muito a pena assistir! (2002)

 

2 – Diário de uma paixão

 

Diário de uma paixão é um dos filmes românticos com uma das cenas mais conhecidas do cinema moderno. O filme , baseado no livro de Nicholas Sparks, tem início com a história de Duke, que está em uma clínica geriátrica e lê para uma interna a história de Allie Hamilton (Rachel McAdams) e Noah Calhoun (Ryan Gosling). Assim, entram em cena Allie e Noah, que conhecem-se em um parque de diversões e desenvolvem um romance. Entretanto, são separados pelos pais dela, que nunca aprovaram o namoro, pois Noah não era da mesma classe social, muito menos rico.

Allie é enviada para longe, e apesar de Noah mandar-lhe cartas todos os dias durante um ano, ele não obtém nenhuma resposta. Quando Allie decide casar-se com o charmoso oficial , Lon Hammond Jr. (James Marsden), o destino acaba por reencontrar Noah e Allie, mostrando que ainda há amor recíproco entre os dois. Agora, ela terá de decidir entre o noivo e Noah. (2004)

 

3 –  Doce Novembro

 

Doce Novembro conta com Nelson Moss (Keanu Reaves) um executivo viciado em trabalho e que vive para o êxito, sem tempo para o amor. Sara Deever (Charlize Theron) é uma jovem encantadora que vive a sua própria maneira. Os dois conhecem-se num exame. Nelson pede a Sara a resposta certa de uma pergunta e os dois acabam por ser expulsos.

Para compensar o erro de Nelson, Sara o desafia a passar a viver um mês (Novembro) com ela e seguir suas regras. O que os dois não imaginavam certamente é que acabariam por apaixonar-se um pelo outro. Doce Novembro é um filme lindo e provavelmente ninguém fica imune a chorar e se emocionar muito! (2001)

 

4 –  Sexo sem Compromisso

 

Sexo sem compromisso está longe de ter um roteiro convencional. Ao contrário de muitos filmes, neste é a personagem feminina de Emma (Natalie Portman) que não quer ter um relacionamento sério. Adam (Ashton Kutcher) e Emma conhecem-se desde adolescentes e reencontram-se algumas vezes com o passar dos anos. Em um destes reencontros, Adam está com sua namorada Vanessa (Ophelia Lovibond), que pouco tempo depois o deixa para ficar o pai dele, Alvin (Kevin Kline).

Adam quer esquecê-la e seguir em frente. Uma noite ele fica bêbado e liga para todas as mulheres que tem em seus contatos. No dia seguinte, acorda na casa Emma, que agora é médica. Os dois acabam por fazer sexo nesta manhã. Após um acordo, decidem continuar a encontram-se apenas para fazer sexo sem compromisso. Com o tempo, os sentimentos um pelo outro mudam e a relação dos dois deixa de ser tão simples assim. (2011)

 

5 – Vestida para casar

 

Jane (Katherine Heigl) é uma mulher romântica que idealiza os relacionamentos. Ela já foi madrinha diversos casamentos e guarda todos os vestidos que usou dentro do armário, na espera de que um dia ela deixe de ser coadjuvante e passe a ser a noiva.

Em um destes casamentos ela perde sua agenda e acaba por conhecer o jornalista Kevin Doyle (James Marsden) que irá persegui-la para fazer uma reportagem sobre ela. Jane é secretamente apaixonada pelo seu chefe, George (Edward Burns), e faz tudo o que ele pede com o intuito de que ele note sua presença.

Apesar disso, é a irmã caçula e perdida de Jane,  Tess (Malin Akerman), que acaba por conquistar o coração de George. Isto faz com que Jane repense sua vida, já que ela sempre foi boa em fazer com que as outras pessoas sejam felizes, ao invés de pensar na própria felicidade. (2008)

 

Wedding and Events PT

 

6 –  Orgulho e preconceito

 

O filme de romance Orgulho e Preconceito é protagonizado por Elizabeth (Keira Knightley) e passa-se na Inglaterra em 1797. A mãe (Brenda Blethyn) quer encontrar um marido rico para ela e para as outras irmãs. Contudo, Elizabeth deseja ter uma vida diferente, muito mais do que apenas  dedicar-se ao marido, sendo apoiada pelo pai (Donald Sutherland).

Quando o Sr. Bingley (Simon Woods), um solteiro rico, passa a morar em uma mansão vizinha, a mãe de Elizabeth vê nele uma oportunidade de marido para uma das filhas. Elizabeth conhece o esnobe e bonito Sr. Darcy (Matthew Macfadyen). Os encontros entre os dois passam a ser cada vez mais constantes, apesar deles sempre discutirem.

 

7 –  Amor e outras drogas (PT: O amor é o melhor remédio)

 

Amor e outras drogas é um filme de romance com um enredo de temas mais profundos como o looby das indústrias farmacêuticas e a doença de mal de Parkinson.

Jamie Randall (Jake Gyllenhaal) é um garanhão que passa a vida a ter relações de uma noite. Após ser demitido do cargo de vendedor em uma loja de eletrodomésticos, ele passa a trabalhar num grande laboratório da indústria farmacêutica como representante comercial. Sua função é abordar médicos e convencê-los a prescrever os produtos da empresa para os pacientes.

Em uma das visitas a um consultório, Jamie conhece Maggie Murdock (Anne Hathaway), uma jovem de 26 anos que sofre de mal de Parkinson. No início, ele fica atraído pela beleza física e por ter sido dispensado por ela, mas aos poucos descobre que existe algo mais forte. Maggie, por sua vez, também sente o mesmo, mas não quer levar o caso adiante por causa de sua doença.

 

8 –  10 coisas que odeio em você

10 coisas que eu odeio em você é um filme de romance entre jovens. Bianca (Larisa Oleynik), uma jovem que não vê a hora de arranjar um namorado, mas seu pai (Larry Miller) é contra. Após tanto insistir, o pai toma decide que Bianca poderá namorar, caso sua irmã, Katharina (Julia Stiles), namore também.

Só que Katharina é uma verdadeira megera, que não tem amigos na escola, e pouco importar-se com romances. Para resolver a questão, Cameron (Joseph Gordon-Levitt), apaixonado por Bianca, resolve contratar o misterioso Patrick Verona (Heath Ledger) para seduzir a futura cunhada. As discussões entre Katharina e Patrick é inevitável e o desencadear d um romance também. (1999)

 

9 –  Perfeita para você

 

Perfeita para você é um filme de romance Netflix. As personagens centrais de filme de amor são Abbie (Gugu Mbatha-Raw) e Sam (Michiel Huisman), que se conhecem desde os oito anos de idade e acreditam ser almas gêmeas, destinadas a ficar juntos para sempre. A vida do casal muda quando ela descobre que tem câncer terminal. (2018)

 

10 –  Para sempre

 

Para sempre é um filme romântico baseado em fatos reais que conta com a ótima atriz Rachel McAdams. Ela interpreta Page, casada com Leo (Channing Tatum). Os dois viviam uma linda história de amor, mas um grave acidente de carro provoca uma grande mudança em suas vidas. Ela não consegue lembrar-se de parte da sua vida recente, muito menos que é casada com Leo.

Enquanto ele tenta ajudá-la a recuperar a memória, a família de Page faz de tudo para afastá-los e fazer com que volte a ter a vida que os pais sempre sonharam para ela. Agora, resta a Leo a missão de reconquistá-la novamente para que possam viver o romance que sempre desejaram. (2012)

 

11 –  Sr. e Sra Smith

 

Este é o filme de amor onde Brad Pitt e Angelina Jolie ultrapassaram o romance das telas do cinema e começaram a namorar na vida real. Em Sr. e Sra. Smith eles sao os assassinos de aluguel John e Jane Smith.

Eles também são casados, mas um não sabe do trabalho do outro. A situação entre eles muda de rumo quando cada um recebe um novo trabalho de suas agências, onde a missão deles é matarem-se um ao outro. Até onde irá o amor do casal? (2005)

 

12 – Uma linda mulher

O clássico filme de amor Uma linda mulher tem no enredo o magnata (Richard Gere). Um dia,  passa pela Hollywood Boulevard, pede informação a uma prostituta (Julia Roberts) e acaba por contratá-la para ser sua acompanhante por uma semana.

É assim que ela se transforma em uma elegante jovem bem-vestida que o acompanha em seus compromissos sociais. A relação ultrapassa este contrato entre os dois e acabam por apaixonar-se um pelo outro. Apesar do filme ser de 1990, é um clássico do cinema que vale muito a pena assistir.

 

13 – A Escolha

 

 A Escolha conta a história de Travis Parker, interpretado pelo ator Benjamin Walker, que tem uma vida confortável, um emprego na clínica veterinária do pai, amigos leais e uma casa em uma pequena cidade costeira. Logo no início do filme percebemos que Travis está em busca do prazer momentâneo e que foge de relacionamentos sérios.

Quando Gabby Holland (Teresa Palmer) muda-se para a casa ao lado, desperta a curiosidade de seu novo vizinho. Apesar dela ter um namorado, a implicância entre Travis e Gabby acaba por ultrapassar a barreira da vizinha.

Este filme romântico é baseado no romance do autor Nicholas Sparks e conta com dois personagens principais cheios de personalidade que acabam por envolver o público para descobrir até onde vai essa nova relação e as barreiras que pode ultrapassar. (2016)

14 –  Todo dia

 

Entre os filmes de romance atuais, Todo dia tem um enrendo um pouco fora do comum. A tem o incrível poder de acordar todos os dias em um corpo diferente, independente de gênero, cor ou idade.

Todos os dias ela precisar se adaptar a rotina do corpo em que está. N entanto, um dia ela acorda no corpo de Justin (Justice Smith) e acaba por apaixonar-se pela namorada dele, Rhiannon (Angourie Rice). Um filme leve, jovem e carismático que levará o espectador a questionar a viabilidade desta relação. (2018)

 

15 –  Amar não tem preço

 

Amar não tem preço é um filme romântico francês com a atriz Audrey Tautou, que interpreta a bela Irène uma jovem oportunista, com desejo de riqueza e ascensão social. Jean (Gad Elmaleh) é um jovem tímido que trabalha no bar de um hotel e é confundido com um milionário por Irène.

Quando ela descobre que ele é um simples funcionário do hotel, decide abandoná-lo. Mas Jean, apaixonado, fará de tudo para não deixá-la escapar. (2006)

 

16 – P.S. Eu te amo

 

P.S. Eu te amo é um filme com um roteiro surpreendente. Logo no início do filme, recebemos a notícia de que Gerry (Gerard Butler), marido de Holly Kennedy (Hilary Swank), morre. Ele é um engraçado irlandês por quem ela é completamente apaixonada. Este acontecimento pode surpreender os espectadores ao pensarem o que será do resto do filme, já que o suposto mocinho morreu logo no início.

Mas é a partir daí que P.S. Eu te amo surpreende ainda mais os seus espectadores. Em profunda tristeza, Holly descobre que o marido deixou diversas cartas e presentes que buscam guiá-la no caminho da recuperação, mostrando em cada uma delas uma lição de amor. (2008)

 

17 –  Brokeback Mountain

 

BrokeBack Mountain, vencedor de três Oscars, é um dos primeiros grandes filmes a retratar o amor gay. Jack Twist (Jake Gyllenhaal) e Ennie Del Mar (Heath Ledger) são dois jovens que se conhecem no verão de 1963, após serem contratados para cuidar das ovelhas de Joe Aguirre (Randy Quaid) em Brokeback Mountain.

Jack deseja ser cowboy , enquanto que Ennie pretende se casar com Alma (Michelle Williams) tão logo o verão acabe. Os dois acabam por viver isolados por semanas, onde tornam-se cada vez mais amigos e iniciam um relacionamento amoroso, provocando grandes tensões em seus relacionamentos amorosos atuais. (2006)

 

18 –  Uma longa jornada (Um vida ao teu lado)

 

Este filme romântico é também baseado em um livro de Nicholas Sparks  e conta a história da bela estudante Sophia Danko (Britt Robertson), que conhece o jovem cowboy Luke (Scott Eastwood). Os dois começam a namorar e acabam por ter suas vidas cruzadas com a de um senhor de 91 anos, Ira Levinson (Alan Alda), com a saúde debilitada. Ele luta para manter a consciência lendo cartas do passado,  e passa a vida a relembrar sua amada esposa Ruth (Oona Chaplin), que faleceu há nove anos. Ira ajudará a definir os caminhos do romance de Sophia e Luke.

 

 

19 – Juntos pelo acaso (PT: É a vida!)

 

Holly Berenson (Katherine Heigl) e Eric Messer (Josh Duhamel) são os personagens principais deste filme romântico. Com um casal de amigos em comum, o primeiro encontro deles é um verdadeiro desastre e Holly deseja nunca mais encontrá-lo.

Porém,  um acidente fatal deixa a filha deste casal de amigos órfã e Eric e Holly são nomeados para cuidar da bebê. Obrigados a permanecerem juntos para cuidar dela, eles enfrentam as dificuldades típicas de quem passa a ser pai e mãe de uma hora para outra. No meio desta confusão, eles acabam por apaixonarem-se um pelo outro. (2010)

 

19 – Simplesmente acontece (PT: Deixa o Amor entrar) 

 

Outro filme de romance entre jovens é Simplesmente acontece. Rosie (Lily Collins) e Alex (Sam Claflin) são amigos e jovens britânicos inseparáveis desde a infância. Juntos eles compartilham as dificuldades amorosas, familiares e escolares.

Apesar de existir um tensão amorosa entre os dois, eles mantêm a amizade acima de tudo. Um dia, Alex decide aceitar um convite para estudar medicina em Harvard, nos Estados Unidos.

A distância entre Rosie e Alex desponta os primeiros segredos na relação de amizade, enquanto cada inicia uma relação amorosa no país onde está. O destino, entretanto, continua a atrair Rosie e Alex um para o outro. (2014)

 

21 – Hoje eu quero voltar sozinho

 

Esta produção brasileira foi premiada no Festival de Berlim e em diversos outros festivais LGBT. Leonardo (Ghilherme Lobo), um adolescente cego, tenta lidar com a mãe superprotetora, enquanto busca sua independência. Quando conhece o novo colega da escola Gabriel (Fabio Audi), novos sentimentos começam a surgir e Leonardo acaba por descobrir mais sobre si mesmo e sua sexualidade. Este é um filme profundo, delicado e muito atual. (2014)

 

22 – La La Land

 

Os primeiros minutos de La La Land fazem com que os espectadores queiram fugir do cinema com toda aquela “cantoria”.  Mas se achávamos que seria tedioso, o filme surpreende o espectador do começo ao fim.  Na cidade de Los Angeles, o pianista de jazz Sebastian (Ryan Gosling) conhece a atriz iniciante Mia (Emma Stone – vencedora do Oscar por este filme) e os dois apaixonam- se perdidamente. Em busca de oportunidades para suas carreiras, os jovens tentam fazer o relacionamento amoroso dar certo enquanto perseguem seus sonhos. (2016)

 

23 – A incrível história de Adaline

 

Estrelado por Blake Lively,  Adaline Bowman é uma mulher que nasceu na virada do século XX. O filme é uma espécie de viagem no tempo. Ela tinha uma vida normal até sofrer um grave acidente de carro. Desde então, de uma forma milagrosa, ela não consegue mais envelhecer e torna-se um ser imortal com a aparência de 29 anos.

Sua existência é solitária, sem permitir criar laços com ninguém. Mas ela conhece o jovem filantropo, Ellis Jones (Michiel Huisman), um homem por quem pode valer a pena arriscar sua imortalidade. (2015)

 

24 –  Azul é a cor mais quente

 

Azul é a cor mais quente é um filme de romance entre duas jovens francesas. Adèle (Adèle Exarchopoulos) tem 15 anos quando descobre, na cor azul dos cabelos de Emma (Léa Seydoux), sua primeira paixão por outra mulher.

Ela entrega-se totalmente a este amor secreto, que não pode ser contado para ninguém. Enquanto isso, trava uma guerra com sua família e com a moral vigente. (2013)

 

25 – Amor e Inocência

 

O filme romântico histórico (1795 )  Amor e Inocência é sobre a biografia da escritora Jane Austen (Anne Hathaway). Ela tem 20 anos e começa a se destacar como uma escritora e está mais interessada em desvendar o mundo.

Enquanto isso,  seus pais querem que ela se case com um homem rico, que possa assegurar seu status perante a sociedade. O principal candidato é o sr. Wisley (Laurence Fox), neto da aristocrata Lady Gresham (Maggie Smith), mas Jane se interessa é pelo malandro Tom Lefroy (James McAvoy), cuja inteligência e arrogância a provocam. 1795 (2007)

 

26 –  A última música (PT: A melodia do adeus)

 

Foi nas gravações deste filme de romance que Miley Cyrus  e Liam Hemsworth conheceram-se e iniciaram um romance (que dura até hoje). O filme, baseado no romance de Nicholas Sparks, “Ronnie” Miller (Miley Cyrus) tem 17 anos, é filha de pais divorciados e seu pai (Greg Kinnear) mora longe de Nova York, numa cidade praiana.

Ronnie ainda sente raiva dos pais pelo que aconteceu até o dia em que sua mãe (Kelly Preston) decide enviá-la para passar o verão com seu pai. Lá, ela irá conhecer novas pessoas e apaixonar-se pelo jovem Will Blakelee, interpretado por Liam Hemsworth. (2010)

 

27 – Te amarei para sempre (A mulher do viajante do tempo)

 

Outro romance que é uma viagem no tempo é Te amarei para sempre. O viajante éHenry DeTamble (Eric Bana), que conheceu Clare Abshire (Rachel McAdams) quando tinha apenas 6 anos, em um campo perto da casa de seus pais.

Eles se tornaram grandes amigos, até avançarem para amantes. Porém, o futuro de Clare é o passado de Henry. Ele é um viajante do tempo, devido a uma modificação genética rara que o faz levar a vida sem saber em que época estará. O fato de Henry conhecer o futuro sempre incomodou Clare, mas agora a situação se inverteu. Resta saber se este romance sobreviverá a todas as dificuldades destas viagens no tempo. (2009)

 

28 – Cartas para Julieta

 

Inspirado na personagem de Shakespeare, Julieta, Sophie (Amanda Seyfried) é uma aspirante a escritora que viaja para a Itália ao lado do noivo Victor (Gael García Bernal). Em Verona, onde se passou a história de Romeu e Julieta, local perfeito para uma lua de mel antecipada, Sophie acaba por perceber que seu noivo está mais interessado em fzer negócios do que nela. Quando descobre uma antiga carta de amor, ela une-se a um grupo de voluntárias que respondem a estas cartas amorosas, em nome de “Julieta”.

Uma das remetente Claire Smith (Vanessa Redgrave) recebe a carta,  decide seguir o conselho dado e vai procurar Lorenzo, por quem se apaixonou na juventude. Mas existem tantos italianos com o mesmo nome e Sophie demonstra interesse em ajudá-la na tarefa. Porém, o neto de Claire, Charlie (Christopher Egan), não reprovada nada está situação e as discussões entre Charlie e Sophie serão inevitáveis e o florescer de uma romance entre os dois também. (2010)

 

29 –  Noiva em Fuga

 

Outro clássico do cinema de filmes romântico é estrelado por Julia Roberts no papel de Maggie Carpenter. Ela é conhecida em sua cidade por não conseguir se casar e fugir de todos os noivos no altar.

Ike Graham (Richard Gere) é um jornalista machista e, assim que sabe da história de Maggie, publica em sua coluna e acaba por ser demitido por não ter confirmações. Decidido a recuperar o emprego, Ike parte para a cidade de Maggie a fim de provar que o conto da Noiva em fuga é verídico.  Certamente, o que ele não esperava era apaixonar-se por ela também. (1999)

 

Wedding and Events PT

 

30 – A verdade nua e crua

 

Abby Richter (Katherine Heigl) é produtora competente de um programa de televisão. Com baixos índices de audiência, seu chefe tem a ideia de contratar da concorrência Mike Chadway (Gerard Butler) do programa “A Verdade Nua e Crua”, onde Mike dá conselhos sobre o que nas mulheres atrai os homens,

Assim, a contragosto, a controladora e eterna romântica Abby é obrigada a aceitar trabalhar com um colaborador machista e grosseiro. Porém, as relações amorosas de Abby vão de mal a pior e ela acaba por aceitar receber conselhos de Mike para conquistar o vizinho. O resultado da conquista acaba por ser inesperado para os todos.

 

31 –  O lado bom da vida (PT: Guia para um final feliz)

 

O filme, que gloriou Jennifer Lawrence com o Oscar de melhor atriz, retrata a vida de Pat Solatano. Ele perdeu tudo após flagrar sua mulher a traí-lo e esmurrar o homem que estava com ela.

Após oito meses numa instituição estatal, encontra-se a viver de novo em casa dos pais. Pat está determinado a reconstruir a sua vida, a conseguir manter-se otimista. Apesar das circunstâncias difíceis da separação, ele quer reconciliar-se com a sua mulher.

Pat conhece Tiffany (Jennifer Lawrence), uma misteriosa e problemática mulher. Ela oferece-se para ajudá-lo a reconquistar a mulher, mas em troca ele terá de fazer-lhe um favor muito especial. Este acordo entre os dois acaba por estabelecer uma surpreendente ligação entre os dois e acontecimentos felizes começam a surgir na vida de Tiffany e Pat. (2012)

 

32 –  Armações do amor 

 

Armações do Amor pode ser também considerada uma comédia romântica, já que Paula (Sarah Jessica Parker) irá fazer divertidas artimanhas para conseguir que Tripp (Matthew McConaughey), um homem de 35 anos que ainda não deixou a casa dos pais, saia finalmente de casa.

Ela foi contratada pelo pais para que ele tome um jeito na vida. Este não é o primeiro trabalho de Paula com este tipo de serviço, mas é o primeiro em que ela se apaixona e põe todo seu profissionalismo à prova. (2006)

 

33 – Romeu e Julieta 

 

Esta é a versão mais recente do filme Romeu e Julieta baseado na clássica peça de William Shakespeare de mesmo nome. O enredo conta a trágica história de dois jovens (Hailee Steinfeld e Douglas Booth) de famílias rivais que apaixonam-se perdidamente um pelo outro. (2013)

 

34 –  Perfeita para você

 

Perfeita para você é um filme de romance Netflix. Abbie (Gugu Mbatha-Raw) e Sam (Michiel Huisman) se conhecem desde os oito anos de idade e acreditam ser almas gêmeas, destinadas a ficar juntos para sempre.  O destino do casal muda quando Abbie recebe a notícia de que tem câncer terminal. (2018)

 

35 – Doce Lar

Melanie (Reese Whiterspoon) deixou o Alabama há alguns anos e passou a viver em Nova York, onde é uma designer de moda. Lá ela conhece Andrew (Patrick Dempsey), filho da atual prefeita Kate Hennings (Candice Bergen), com quem começa a namorar.

O sucesso de Melanie cresce a cada dia, até que Andrew decide pedi-la em casamento. Ela aceita o pedido, mas precisa retornar ao Alabama o mais rápido possível para conseguir o divórcio com seu atual marido. Ao voltar, tem que se confrontar com o passado e com antigos sentimentos que não deixaram de existir. (2002)

 

36 –  Palavras e Imagens

 

O filme romântico entre Dina Delsanto (Juliette Binoche) e Jack Marcus (Clive Owen) desenrola-se em uma escola secundária. Ele é escritor de sucesso e professor de literatura e ela pintora e professora de artes plásticas. Os dois entram em uma guerra dentro que da escola com a participação dos alunos para saber quem está certo.

Entre jogos de palavras e desafios, o embate transforma-se em romance, põe à prova fragilidades das personagens, e envolve toda a escola  para descobrir qual linguagem é mais importante. (2013)

 

37 –  O seu jeito de andar

 

O filho “bad boy” (Scott Speedman) de uma família rica foge de relacionamentos sérios. Ele deve dinheiro de jogo e só vai conseguir dinheiro da família quando se casar. Um dia conhece uma jovem paciente psiquiátrica (Evan Rachel Wood) que foi criada em isolamento durante toda a sua vida. Ele decide levá-la ao casamento de seu irmão e convencer a família de que são namorados. No meio deste plano, eles apaixonam-se de maneira improvável. (2014)

 

 

Fonte/Fonte das imagens: O diário da nossa paixão, Paramount, Warner Bros.IMDb, FOX, Sony Pictures, Imagem Filmes, Netflix, Roadside Attractions, Lionsgate, Transmission Films, Universal Movies, Summit Entertainment, Relativity Media,

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

sixteen − thirteen =